O Meu e o Seu

opinioes.jpg

É interessante como a maioria das pessoas ainda insistem em dizer que apenas o próprio ponto de vista é o correto, em detrimento a qualquer outro.

Formulamos uma teoria sobre determinado assunto (ou até acumulamos alguma experiência sobre o mesmo assunto) e debatemos como se o nosso ponto de vista fosse o único válido. Isto já é motivo mais do que suficiente para que estas pessoas passem a não ouvir outras opiniões diferentes da sua.

Isto é falado, na linguagem popular, como o ato de "colocar uma viseira para enxergar apenas numa única direção". Não associo esta postura com falta de inteligência. Na maioria dos casos é simplesmente uma posição confortável. A pessoa encontrou uma forma confortável de levar a vida e nós não temos o direito de tentar convencê-la a sair do seu casulo e concordar com a nossa opinião.

Até aqui eu me preocupei em delinear atitudes alheias. Mas o importante é observarmos nossas próprias atitudes.

Vamos puxar da memória algumas coisas interessantes:
– Quando foi a última vez que, mesmo estando com plena certeza de alguma coisa, eu parei para ouvir (com atenção) uma opinião de outra pessoa que não concorda comigo?
– Quando foi a última vez que abri mão de minhas definições e certezas para admitir que outra pessa estava certa e eu errado?

Como as perguntas são de cunho íntimo as respostas podem (e devem) ser silenciosas. Não preciso expor a ninguém minhas respostas, mas eu preciso saber quais são para mapear meus erros e trabalhar na sua correção.

O fato é que ainda somos muito individualistas. Podemos facilmente extender o assunto que estou tratando aqui para a nossa vida de uma forma geral. Se não sou capaz de admitir que o outro está certo e eu errado fatalmente não serei capaz de identificar onde estou errando, ou seja, é bem provável que eu prejudique as pessoas achando que estou certo e todos errados.

Neste ponto somos "promovidos" a Dono da Verdade. Não existe diálogo neste ponto. Existe apenas a nossa opinião e as opiniões erradas.

Estes dias fui considerado (e tratado como) um idiota por não concordar com a opinião de uma pessoa. Nestas situações eu prefiro me calar e me passar por idiota a ter que tentar impor minha opinião. Mas é lamentável o posicionamento de algumas pessoas. Mas este posicionamento me fez ficar pensando se eu não ajo da mesma forma com os outros em outras situações.

O correto, na minha opinião, é que existem vários pontos de vista acerca de um mesmo assunto. Se não houver alguém com autoridade suficiente para determinar qual opinião é a correta só nos cabe aceitar e respeitar a opinião alheia. Devemos fazer isto do mesmo jeito que gostamos quando fazem conosco…

Comentários estão fechados.