Alternativas

 

Alternativas

 

Temos um péssimo hábito de achar que a vida acabou por conta de algum problema que nos acontece.

Isto acontece por alguns fatores. Os mais importantes são:
Achamos que o nosso problema é o maior problema do mundo. Que se dane aquele que passa fome, que não tem onde dormir, que tem uma doença terminal, que sente dores terríveis. O nosso problema supera tudo isto. Esta visão egoísta da coisa nos fecha apenas em torno de nós mesmos impedindo de ver além das aparências.
Não queremos mudar, mas muitas soluções resultam em alguma mudança (interna e/ou externa). A perda de um emprego, por exemplo, nos obriga a mudar nossos hábitos para economizar o máximo que pudermos.
Queremos manter o nosso orgulho. Não podemos admitir que estamos errados pois afinal de contas somente os outros erram. Nós sempre acertamos. Mas mesmo assim, em raríssimas exceções, quando erramos é porque além de haver um excelente motivo alguém errou muito mais feio do que nós.

Estes três fatores acima resumem tudo.

Raramente levantamos os nossos olhos para ver o mundo que nos cerca. Sempre dizemos que temos muitos problemas, que estamos passando por uma situação muito difícil, etc. Mas nunca procuramos observar o problema dos outros.

Uma coisa interessante que ouço sempre: Eu tenho de resolver os meus problemas primeiro para depois ajudar os outros. Esta é a forma educada (e disfarçada) de dizer: EU NÃO QUERO AJUDAR NINGUÉM! Digo isto por uma razão bem óbvia: Alguém aí já parou para pensar quando é que todos os nossos problemas estarão resolvidos? Se alguém tem alguma resposta diferente de NUNCA me diga porque eu não sei. Quando resolvemos um problema outro aparece para ocupar o lugar dele. Isto é a coisa mais certa. E, sinceramente, eu dou graças a Deus por isto pois imagino que a vida seria um tédio sem nenhuma preocupação.

Mas o fato é que estamos sempre querendo ajuda para resolver os nossos problemas e raramente (mas muito raramente mesmo) nos ocupamos em ajudar os outros.

Com isto nos fechamos no nosso mundinho e não admitimos nada e nem ninguém estranho nele.

Este enclausuramento nos faz repelir toda e qualquer tentativa de ajuda que as outras pessoas fazem para nos tirar deste círculo vicioso.

Queremos que apareça uma Fada Madrinha (daquelas dos contos de fada mesmo) e com a sua poderosa varinha de condão resolva todos os nossos problemas sem que tenhamos que mover um músculo. Vamos para a realidade agora? Isto nunca vai acontecer. Se não arregaçarmos as mangas e nos movimentarmos em prol da solução de nossos problemas estes tomarão uma proporção gigantesca com consequências drásticas e dolorosas. Está (como sempre esteve) em nossas mãos a solução de nossos problemas.

E para complicar as coisas mais ainda temos aquele péssimo hábito de não admitir os próprios erros. Vou contar uma novidade: Nós erramos sim. E erramos muito!!! Admitir isto não nos faz piores nem mais fracos que os outros. O que nos faz mais fracos e piores é justamente não admitir tal coisa. Isto nos coloca numa posição de destaque negativa em que não teremos a confiança de ninguém.

Aí quando algum problema acontece a junção destas três coisas vira algo explosivo. Querem ver: O problema que aconteceu é o maior do mundo, temos de esperar alguém resolver o NOSSO problema (sem mover um dedo sequer) e não vamos admitir que estamos errados (mesmo que estejamos). Desta forma não existe nenhuma alternativa para solução do problema, pois sempre (para início de conversa) teremos de admitir o erro (independente de qualquer coisa), depois de termos admitido que erramos vamos ter de nos movimentar para sanar as consequências e nos propor a não errar novamente.

O importante é frisar bem: SEMPRE EXISTEM ALTERNATIVAS! Nada está fechado sem saída. Existe solução pra tudo nesta vida.

Vale lembrar que se trabalharmos nos três ítens que mostrei acima com certeza conseguiremos algum progresso. E o menor progresso que conseguirmos será de extrema valia no nosso relacionamento com os extraterrestres (aqueles que habitam fora do nosso mundo, rsrsrs).

 

Comentários estão fechados.