Ridículo

 

Bobo da Corte

 

Se tem uma coisa que me irrita é quando alguém me acha com cara de palhaço, cisma que eu acredito em tudo e aí sai falando as piores bobagens.

Eu analiso sempre as coisas e quando vejo que a pessoa está mentindo ramente desminto. Deixo como está para ver até onde vai e para não constranger.

Melhor seria se a pessoa não tomasse uma atitude destas. Será que nunca passa pela cabeça que alguém pode perceber e que isto vai ser muito feio?

Mais irritante é quando a pessoa fica tão convicta de que enganou mais que dá um “reforço” na porcaria que está despejando no meu ouvido.

Avaliar o que se diz. É o que eu recomendo. Pense antes de falar porque uma mentira sempre puxa outra, e outra, e outra, e outra… Chega num ponto insustentável.

Eu até concordo quando alguém diz que todos nós mentimos. Ou seja, somos mais ou menos mentirosos. Se não concorda basta lembrar quando alguma mulher pergunta: Estou gorda? Se você disser que está a coisa vai ficar feia!!! rsrsrs.

Mas não se desespere. Isto é bem comum. Chamamos isto de “mentira social”. A mulher que pergunta se está gorda, na verdade ela faz uma afirmação e não uma pergunta. A afirmação é: Eu acho que estou gorda, mas não quero que você me diga pois eu tenho de acreditar no contrário!

Nossos olhos sempre vêem a verdade, mas nem sempre é lícito que a nossa boca divulgue o que os olhos viram. Ou se assim fizer, teremos de ter um grande cuidado para não deixar as pessoas em situação ruim.

Várias vezes me peguei pensando nisto e nunca chegava a uma conclusão definitiva porque é um assunto pra lá de delicado. Dizer que todos nós somos mentirosos não é uma tarefa muito fácil. Uma generalização destas é sempre complicada.

Mas o que fazer quando a verdade está aí estampada na nossa frente? Só me resta admitir e ficar de olho para não cair no ridículo de aumentar as mentiras que ouço e nem inventar coisas que não vi.

Cada momento vivido não precisa ser visto como um erro pelo simples fato de termos dito uma das “mentiras sociais” (alguém lhe pergunta na rua: Como vai? e você sem querer entrar em detalhes responde: Vou bem! e na verdade não tem nada bem… rsrsrs).

Muitas e muitas vezes isto vai acontecer, não se privem de fazer isto. Mas cuidem para que isto não seja desculpa para aumentar ainda mais o rol de mentirosos contumazes que povoam o nosso planeta.

 

Comentários estão fechados.